Ana Alpande

mission

Natural de Lisboa, nascida em 1981 e criada às portas do Tejo, junto à barra de Cascais,

desde a infância que os têxteis e a tradição oral fazem parte da sua vida e estão intimamente ligados às memórias de família e ao seu quotidiano. Aos 16 anos frequentou um curso de meditação transcendental e começou a investir em formação na área das terapias holísticas e do auto-desenvolvimento, incluindo 1 e 2º nível de Reiki, Massagem Terapêutica, Shiatsu e Astrologia.

Trabalhou como terapeuta e astróloga, durante vários anos, em consultório próprio.

Aos 25 anos fez formação em Educação pela Arte e em Pedagogia Waldorf, ambas a despertam para a importância da arte e da oralidade na saúde emocional e desenvolvimento infantil.

Fez ainda a Formação de Doula, com a Associação de Doulas de Portugal.

Através do Movimento Português de Educação pela Arte deu aulas em várias escolas do Concelho da Amadora, tendo-se simultaneamente associado à bolsa de contadores da Biblioteca de Oeiras, onde obteve formação com narradores de várias nacionalidades.

Frequentou aulas de canto tradicional com o músico Sebastião Antunes e fez parte do grupo de marionetas Tindarim, baseado na pedagogia Waldorf, onde trabalhou em conjunto com a autora Luísa Barreto, cujo as músicas e poemas a continuam a inspirar. Neste contexto criou marionetas e ilustrações de contos de fadas em lã de merino feltrada, para a Casa das Fadas em Óbidos.

Quando descobriu a fiação artesanal, encontrou a sua paixão. Fez workshops de fiação e tinturaria, com a “Mestra” Guida Fonseca e através da plataforma Interweave. Durante esse tempo estudou e explorou várias técnicas artesanais, que aplicou principalmente ao tricô.

Criou ainda o projecto AMA – a fiandeira de histórias. Onde através de workshops e performances levou a narração oral e a fiação artesanal a várias instituições, incluindo escolas, festivais, casas de teatro, associações e hospitais (através da Fundação do Gil).

 Aos 30 anos mudou-se para Oliveira do Hospital e começou a interessar-se por tecelagem na arte, iniciando uma nova expressão artística dedicada à reflexão e interpretação do percurso interno do Ser Humano, plasmada nas suas peças.

Actualmente apresenta o seu trabalho artísticos em exposições e na sua loja online, dinamiza grupos de desenvolvimento pessoal e coaching criativo, através da tecelagem e dos trabalhos manuais, através do curso a Arte de Tecer a Vida. Dinamiza projectos artístico/pedagógicos para escolas e instituições.